Autor de livros jurídicos e de história do Piauí, o presidente da Academia Piauiense de Letras, Nelson Nery Costa, incursiona agora pelo conto. Ele acaba de lançar "Contos de viagem". Em narrativas assinaladas pelo interesse em registrar nuances das culturas de países que visitou, o escritor constrói núcleos narrativos em que o interesse pelo inesperado das descobertas e o sabor da vivência do instante presente cativam o leitor.

Em entrevista à TV Cidade Verde, de Teresina, ele conta que voltou a escrever literatura com entusiasmo na maturidade, embora não tenha superado sua produção jurídica e historiográfica, movido pelo interesse em registrar suas viagens pelo mundo.
 
Falando sobre o gênero da nova obra, diz que uniu conto e crônica, para atingir o objetivo que pretendia. "Não são propriamente contos, pois também são crônicas ao descreverem vários roteiros turísticos. Para mim, trata-se de contos-crônicas, juntando informações, descrições e reflexões típicas das crônicas, com uma breve e simples narrativa, matéria do conto. As informações e os dados históricos foram pesquisados, mas os lugares mencionados foram efetivamente visitados, apesar de algumas informaões poderem estar equivocadas ou desatualizadas", explica Nery Costa.