Por: Genu Moraes *

 
"A UDN foi criada, oficialmente, em 7 de abril de 1945, como uma “associação de partidos estaduais e correntes de opinião” contra a ditadura do Estado Novo, caracterizando-se essencialmente pela oposição constante a Getúlio Vargas e ao getulismo.
Inicialmente, suas reuniões se dava na sede da UNE, na Praia do Flamengo. Depois, passou a ter sede ficava na Avenida Nilo Peçanha 12,110 andar, salas 1110 a 1114.
Seus fundadores foram: José Augusto Bezerra de Medeiros, brasileiro, Adhemar de Barros, brasileiro, casado, médico; Joaquim Bandeira de Mello, brasileiro, casado, industrial; João Cleophas, brasileiro, casado, industrial; Carlos de Lima Cavalcanti, brasileiro, casado, industrial; Carlos Castilho Cabral, brasileiro, casado, advogado; Antônio Carvalho Guimarães, brasileiro, solteiro, jornalista; João Carlos Machado, brasileiro, casado, advogado; Raul Pila, brasileiro, solteiro, professor; Poty Medeiros, brasileiro, casado, advogado; Waldemar Ferreira, brasileiro, casado, professor; Oscar Stevenson, brasileiro, casado, professor; Ma-tias Olímpio, brasileiro, casado, magistrado aposentado; José Cândido Ferraz, brasileiro, casado, médico; Osório Borba, brasileiro, solteiro, jornalista; Arnon de Mello, brasileiro, casado, advogado; Wanderley Pinho, brasileiro, casado, escritor; Adelmar Rocha, brasileiro, casado, militar; Francisco Alves Cavalcanti, brasileiro, viúvo, fazendeiro; Raphael Cincorá de Andrade, brasileiro, casado, advogado; Oswaldo Trigueiro, brasileiro, casado, advogado; Belmiro Medeiros, brasileiro, casado, advogado; Raphael Fernandes Gurjão, brasileiro, casado, advogado; Ernâni Sátiro, brasileiro, casado, advogado; Nehemias Queirós, brasileiro, casado, professor; Amorim Parga, brasileiro, casado, jornalista; Maria Luiza Bittencourt, brasileira, casada, advogada; Maria Rita Soares de Andrade, brasileira, solteira, advogada; Orlando Vieira Dantas, brasileiro, casado, jornalista; Tristão da Cunha, brasileiro, casado, professor; Lourival de Mello Motta, brasileiro, solteiro, médico; Pedro da Costa Rêgo, brasileiro, casado, jornalista; Orlando Araújo, brasileiro, casado, advogado; Lino Machado, brasileiro, casado, militar; Luiz Camilo de Oliveira Neto, brasileiro, casado, escritor; Joaquim de Salles, brasileiro, casado, jornalista; José de Salles, brasileiro, casado, funcionário; Astrogildo Pereira, brasileiro, casado, escritor; Nelson Souza Carneiro, brasileiro, casado, advogado; José Gaudêncio, brasileiro, viúvo, advogado; Emílio Diniz da Silva, brasileiro, solteiro, médico; Domingos Vellasco, brasileiro, casado, advogado; José Ferreira de Souza, brasileiro, casado, professor; Alde Sampaio, brasileiro, casado, industrial; Paulo Martins, brasileiro, casado, advogado; Luiz Pinheiro Paes Leme, brasileiro, casado, advogado; Jones Rocha, brasileiro, casado, médico; Tito Lívio de Sant’Anna, brasileiro, casado, engenheiro; João Mangabeira, brasileiro, casado, advogado; Heitor Beltrão, brasileiro, casado, advogado; Mário Martins, brasileiro, casado, jornalista; Nelson de Sena, brasileiro, viúvo, professor; Jacy de Figueiredo, brasileiro, casado, advogado; Carmen Portinha, brasileira, casada, engenheira; Maurício de Lacerda, brasileiro, casado, advogado; Lengruber Filho, brasileiro, casado, fazendeiro; Miguel Costa Filho, brasileiro, solteiro, jornalista; Raul Leite Filho, brasileiro, casado, industrial; Xavier de Araújo, brasileiro, casado, jornalista; Evandro Lins e Silva, brasileiro, casado, advogado; Dormund Martins, brasileiro, casado, advogado; Benjamin Miranda, brasileiro, casado, funcionário; Aristides Mariano de Azevedo, brasileiro, casado, advogado; Jurandyr Pires Ferreira, brasileiro, casado, engenheiro; João Evangelista Lobato, brasileiro, casado, médico; Luiz Tinoco da Fonseca, brasileiro, casado, médico; Jeronymo Monteiro Filho, brasileiro, casado, professor; Oscar Przewodosky, brasileiro, casado, professor; José Eduardo do Prado Kelly, brasileiro, casado, advogado; Dionísio Ausier Bentes, brasileiro, casado, médico; Arthur Leandro de Araújo Costa, brasileiro, casado, médico, Romão Júnior, brasileiro, casado, médico e Virgílio de Mello Franco, brasileiro, casado, lavrador.
 
Seis piauienses estão na relação dos fundadores da UDN nacional: Matias Olímpio de Melo, José Cândido Ferraz, Adelmar Soares da Rocha, Francisco Alves Cavalcanti, Evandro Lins e Silva e Jurandir Pires Ferreira. Meu pai não consta da lista porque motivos superiores o impediram de estar no Rio de Janeiro, centro do poder naquela época, quando da assinatura da ata oficial, mas ele participou da criação da agremiação em todos os seus momentos.
 
* Do livro Genu Moraes - a Mulher e o Tempo.