[Gabriel Perissé]

No Amapá comprei um mapa
Na Bahia ganhei meu dia
Em Pernambuco tomei um suco
Em Vitória foi a glória
Em Manaus naveguei demais
Em Campo Grande tirei a sorte
No Rio Grande do Norte escapei da morte
Em Belo Horizonte construí uma ponte
Em São Paulo dei muitas aulas
Em Brasília troquei a pilha
No Pará não parei de pensar
Em Tocantins andei de patins
No Acre acreditei num milagre
Em Goiás é sempre mais
Em João Pessoa me tornei gente
Em Boa Vista avistei o céu
Em Maceió desfiz o nó
Em Mato Grosso ouvi o Ney
Em Sergipe andei de jipe
Em Rondônia voltei à tona
No Piauí saí por aí
Em Fortaleza tenho a força
No Paraná dó ré mi fá 
No Maranhão o mar na mão
Em Santa Catarina tudo rima
No Rio de Janeiro eu nasci
Em Porto Alegre estou feliz
Feliz 2016!