• 22:01:07 Portal Entretextos saindo da conversa...
  • 22:00:57 elmar carvalho Obrigado pela oportunidade.
  • 22:00:25 Portal Entretextos Escritor, obrigado pela participação! Boa noite!
  • 22:00:04 elmar carvalho Ela me deu prazer, alegria, encantamento, magia, tanto como leitor e mesmo principalmente como leitor, me levou a lugares encantados que os aviões e o dinheiro jamais me levariam.
  • 21:58:22 Portal Entretextos Agradecemos a cada leitor de Entrextos que acessou o Portal para participar do bate-papo e o finalizamos com uma pergunta: qual a maior lição que a literatura ensinou para Elmar Carvalho?
  • 21:57:26 elmar carvalho O fato de uma pessoa pertencer a alguma agremiação literária significa apenas isso mesmo. Essa pessoa não será maior ou menor literato por esse motivo. Contudo, uma associação e uma academia podem contribuir para promoção de eventos culturais e publicação de livros. De qualquer sorte, se presume que seja um lugar onde possam confraternizar pessoas que têm as mesmas afinidade e amor pelas cultura e pelas letras.
  • 21:54:29 Sueli Santos O senhor é membro de diversas instituições de cultura. Numa sociedade em que a crítica acadêmica está se sobrepondo a cada dia, qual o espaço dessas instituições no sistema literário?
  • 21:53:54 elmar carvalho Um homem que busca a beleza e a emoção, através dos sons, da melodia e do conteúdo das palavras.
  • 21:52:54 elmar carvalho Os poucos que não se contentam apenas com a imagem da telinha ou da telona e com o barulho ensurdecedor dos grandes paredões de som, que chamam de música.
  • 21:52:36 Sueli Santos Como o senhor se definiria como poeta?
  • 21:51:37 elmar carvalho Muito grande. De uma guardei a saudade, por força do exílio forçado pelas injunções da vida. Da outra, fiquei com a beleza da paisagem que conheci em minha adolescência e juventude.
  • 21:51:26 Geovane Já que são poucos os leitores, especialmente de poesia, quem lê poesia hoje?
  • 21:50:02 elmar carvalho Com relação ao ufanismo, cortei o céu mais azul, pois todo céu é azul, cortei as patriotadas, e o excesso de adjetivos e de grandezas comparitivas. Tudo tem a sua própria beleza. Cada mulher, também tem a sua própria beleza, que não se confunde com a de outra. Por que todas teriam que ter enorme tetas siliconadas?
  • 21:48:47 Sueli Santos Qual o significado de Parnaíba e Campo Maior em sua poesia?
  • 21:47:17 elmar carvalho Para mim não existe apenas transpiração, trabalho, esforço, mas também um momento em que o literato se sente quase forçado a externar as ideias que borbulham em seu cérebro, quase como se estivesse atuado por algum espírito ou força, algumas vezes. Digo isso, claro, em sentido metafórico.
  • 21:45:19 elmar carvalho A profissão em si, não. Mas o excesso de trabalho pode asfixiar um pouco a produção. Mas, por outro lado, essa atividade pode nos trazer algumas histórias, algumas vivências e emoções, que poderão servir para a produção de algum texto, embora com o tratamento e os acréscimos e criações literários.
  • 21:45:16 Portal Entretextos O senhor tem feito alusão à inspiração. O que é precisamente isso para o senhor?
  • 21:43:56 Portal Entretextos O que fez, então, para que esses poemas telúricos não fossem mero ufanismo, mera patriotada?
  • 21:42:35 elmar carvalho Tudo isso e algo mais. Mas não fiz por um capricho, mas, como fiscal da Sunab, como também em meu atual cargo, e também em eventos culturais, além de ligações por laços de parentescos, conheci e visitei várias vezes essas cidades e de fato tive a chamada inspiração para cantá-las, de uma forma que não mero ufanismo, mera patriotada.
  • 21:42:23 Sueli Santos O fato de ser um homem das leis, de lidar com textos técnicos e a própria conjuntura que é o exercicio da magistratura, não sufoca a criação literária?
  • 21:40:53 Geovane A partir de que momento o escritor se vê movido pela poder da escrita e então algo nasce?
  • 21:40:07 Portal Entretextos Escrever poemas telúricos é uma de sua predileções. Várias cidades ou locais específicos do estado já foram cantados em sua verve literária. O que mais o motiva nesse sentido.: paisagem, história, reminiscências?
  • 21:39:49 elmar carvalho Como disse, hoje quase todo mundo se mete a escrever, pelo menos em dado momento de sua vida. Mas é lógico que entre todos os que escrevem "poucos serão os chamados" como diz a Bíblia. Foi e será assim em todo tempo, em qualquer tempo. No meio de dezenas, poucos ficarão na história literária.
  • 21:37:37 elmar carvalho Sem cabotinismo mas também sem falsa modéstia, devo dizer que o que os críticos disseram, na quase totalidade, bate com o meu pensamento e com o que realmente busquei em minha escrita.
  • 21:36:25 Geovane Escritor, o que dizer do que se tem publicado hoje no Piauí? O que dizer da nossa geração de escritores?
  • 21:36:06 Sueli Santos Tenho exemplar de A rosa dos ventos gerais e li não somente os poemas, mas também o que já se escreveu sobre eles. Como o senhor vê a crítica que vem sendo realizada sobre sua obra?
  • 21:34:56 elmar carvalho Está muito na falta de distribuição, e como o nosso sistema literário se restringe praticamente a poucas cidades do Piauí era necessário o apoio e o incentivo estatal, inclusive no aspecto de distribuir e promover venda, pois eu mesmo não tenho a menor vocação comercial nem jeito para vendedor.
  • 21:32:52 elmar carvalho Muito pouco, pois como disse os leitores são poucos, mas é verdade que existem algumas pessoas que não se consideram escritores e que leem. Mas não tenho ilusão a esse respeito. O número de leitores é escasso.
  • 21:32:40 Portal Entretextos O que falta para mudar esse cenário? O problema não estaria também nos escritores?
  • 21:31:11 elmar carvalho Sempre se leu muito pouco, por várias razões que não cabe aqui evidenciar, mas tanto pelo analfabetismo como pelo preço de um livro e outros fatores. Machado de Assis, que era Machado de Assis, dizia ter meia dúzia de leitores. Então, é fato que os leitores são poucos.
  • 21:31:02 Portal Entretextos O senhor acredita que, de fato, no Piauí, o sistema literário consolidou-se a tal ponto que muitos escritores podem se considerar lidos não apenas por outros pares ou estudiosos?
  • 21:29:19 elmar carvalho Nâo tenho uma predileção tão especial por um ou alguns poucos, mas por quase todos, uma vez que tenho escrito relativamente pouco, e só publico quando minha auto crítica indica que o texto tem algum valor , por menor que seja.
  • 21:28:43 Geovane Que importância o poeta assume no nosso contexto cultural? Ainda é razoável falar apenas de uma elite de leitores, quando se quer mencionar aqueles que leem poesia com seriedade?
  • 21:28:20 Portal Entretextos O que melhor individualiza sua poesia, em sua análise?
  • 21:27:28 elmar carvalho Sim, O Diário Incontínuo, que na verdade termina sendo um conjunto de crônicas quase sempre memorialisticas, Arte-fatos oníricos e outros, que são contos e Flagrantes e Insights, que são pequenos textos, são alguma coisa, acontecimento ou sacada.
  • 21:26:25 Castro De qual dos seus textos o senhor mais gosta por alguma razão especial?
  • 21:25:27 elmar carvalho cérebro e fiz o poema, uma espécie de épico moderno.
  • 21:24:51 elmar carvalho O sr. Walter Mendes, que foi meu chefe na extinta Sunab, e por sinal havia sido colega de meu pai, me falou sobre esse velho cabaré e me perguntou por que eu não fazia um poema sobre ele. Fiquei ruminando durante alguns meses, até que me veio o estalo de mesclar a sociologia dos lupanares, a astronomia e a mitologia, uma vez que cada cabaré da zona era batizado com o nome de um deus da mitologia greco-romana, e cada deus, como sabemos, deu nome a um planeta. daí botei tudo no processador de meu
  • 21:22:39 Geovane Manoel de Barros, que só ficou famoso na literatura aos 70 anos, afirma que não tem projeto,mas livro. O senhor teria um projeto literário definido?
  • 21:21:29 Joserita entrando na conversa...