• 00:13:32 Carlos Evandro saindo da conversa...
  • 00:10:25 Carlos Evandro o interesse pelo léxico latino que contribui para enriquecer e ampliar o nosso vocabulário.
  • 00:09:12 Carlos Evandro Respondo ainda ao Dilson: a etimologia tem espaço nas minhas aulas, mas valorizo muito as citações, provérbios e brocardos que nos transmitem muita sabedoria e conhecimentos de vida. Há também que ressaltar que procuro despertar
  • 00:06:53 Carlos Evandro Respondo ainda à Marta: Creio que é muito difícil, pelo fato de termo poucos profissionais na área, mas nada é impossível. As escolas devem primeiro formar profissionais nessa área.
  • 00:03:54 Carlos Evandro Faltam ainda duas respostas: minha paixão pelo latim surgiu quando estudava Letras na antiga Faculdade de Filosofia do Piauí. Fui motivado por dois grandes professores de Latim: Monsenhor Melo e Pe. Raimundo José. A eles devo muit
  • 00:02:28 Dilson. saindo da conversa...
  • 00:00:54 Dilson. Muito obrigado a todos, especialmente ao professor Carlos Evando. Boa Noite!
  • 23:59:55 Carlos Evandro O livro está à disposição na Livraria Aliança, com o Leonardo. Muito obrigado pela participação de todos que conversaram comigo e pela oportunidade que me deram de falar um pouco sobre o latim.
  • 23:57:25 Carlos Evandro só tende a aumentar. Creio que um professor de Português que se interessa pelo Latim, sem dúvida fará a diferença.
  • 23:57:18 Dilson. Para encerrar, após completar a resposta, onde é possível comprar seu livro?
  • 23:56:36 Carlos Evandro Creio que sim, Geovane, veja, não só no Direito prevalece esse interesse, mas na Biologia, na informática etc. No caso do português, muitos ficam surpresos quando começam a estudá-lo estabelecendo relações com o latim. O interesse
  • 23:56:18 Dilson. Professor, agradecemos sua participação. Esperamos contar com sua presença noutra ocasião falando sobre Mário Faustino.
  • 23:51:43 Carlos Evandro consagrado Programa de Latim, editado pela editora Salesiana.
  • 23:50:55 Carlos Evandro Dilson, há livros que são indispensáveis, como a gramática do Napoleão Mendes de Almeida, que é um clássico no gênero, os quatro volumes da Ars Latina, da Vozes sem falar na contribuição do Pe. Julio Comba que mantém no mercado o
  • 23:49:45 Geovane Professor, nas áreas em que a terminologia latina é mais usada, o estudo desta disciplina está á altura da relevância da nossa língua materna? Que interesses prevalecem?
  • 23:48:14 Dilson. Quais os maiores problemas enfrentados pelo senhor para ensinar o Latim a estudantes de direito?
  • 23:48:06 Carlos Evandro método.
  • 23:46:29 Carlos Evandro dispor ainda no mercado de um livro em que realmente se pudesse encontrar subsídios para a compreensão do latim voltado para o direito. Agora o livro está em sua primeira edição. Devo rever as próximas sempre buscando melhorar o
  • 23:44:00 Dilson. Qual bibliografia básica, incluindo nela seu livro, o senhor recomendaria a quem deseja se iniciar no estudo do latim?
  • 23:43:58 Geovane entrando na conversa...
  • 23:43:53 Carlos Evandro cinquenta alunos. Para minha satisfação não há cancelamentos. Com o nosso livro procuro oferecer à comunidade interessada pelo latim jurídico uma outra vertente de ensino desse idioma. O livro surgiu exatamente da angústia de não
  • 23:41:08 Marta professor, ao que parece, são poucas as publicações de livros didáticos sobre o estudo do latim. O que esta realidade lhe revela? Seu livro também foi uma resposta corajosa a essa triste realidade?
  • 23:40:11 Carlos Evandro Boa pergunta, Marta. O manual resulta de nossas aulas de Latim para estudantes de Direito. É um livro básico, para iniciantes. Na Faculdade onde leciono latim o interesse tem sido grande, a ponto de formarmos turmas com mais de
  • 23:37:34 Marta O senhor acredita que assim como a igreja católica, instituição que recupera o latim com mais força, as escolas ainda podem rever seus currículos no sentido de vivenciarmos mais nossa língua materna?
  • 23:34:57 Carlos Evandro acrescida do gerúndio. E aos poucos nos aprofundamos de modo que após a terceira declinação eles começam a compreender melhor os brocardos jurídicos.
  • 23:33:05 Carlos Evandro somente da primeira declinação e assim por diante. Após a segunda declinação, procuro em seguida estudar com eles o gerúndio, que é um substantivo verbal. Aí então ela vai aprender e formar frases com a expressão "animus",
  • 23:32:32 Marta Professor, como é escrever um manual de latim para estudantes, sendo que o latim hoje é falado fluentemente por poucos?
  • 23:32:11 Dilson. Professor, muitos professores de latim usam a etimologia como gancho para despertar o interesse do aluno ao Latim. Qual o lugar dela em suas aulas?
  • 23:31:24 Dilson. entrando na conversa...
  • 23:30:01 Carlos Evandro Olá, Gustavo, procuro expor o conteúdo de forma gradativa. Quando vemos a primeira declinação, logo em seguida tratamos das preposições, de modo que já na terceira lição o aluno de direito lê locuções de sua área com palavras
  • 23:29:49 Gustavo Como nasceu sua paixão pelo Latim, professor? Conte-nos um pouco dessa história.
  • 23:26:57 Carlos Evandro Ainda me dirijo ao Eduardo. Há muitas estratégias como por exemplo sempre relacionando o latim ao nosso léxico. Creio que não se pode desvincular o latim do português numa aula de latim.
  • 23:24:11 Carlos Evandro Olá, Eduardo, primeiramente mostrando que estudar latim desenvolve hábitos de raciocínio e que apesar de ser o latim uma língua morta (mas não extinta) ela sobrevive no nosso idioma, na realidade nós falamos o latim modificado.
  • 23:22:17 Marta Boa noite!
  • 23:22:08 Marta entrando na conversa...
  • 23:21:14 Carlos Evandro Dilson, O ensino do latim não está ressurgindo como muitos pensam. Isso depende muito do projeto pedagógico da escola.
  • 23:18:51 Eduardo Dado o perfil do alunado tão imediatista e com pouca mémoria ou apreço às suas origens, o senhor poderia destacar, brevemente, que estratégias seriam viáveis ao ensino dessa disciplina nas escolas?
  • 23:18:01 Gustavo No seu livro, qual metodologia o senhor emprega para facilitar o aprendizado dessa língua?
  • 23:17:27 Carlos Evandro complementando a resposta do Dilson: há também o fato de o latim ser uma língua declinada, que influi no aprendizado de outras línguas também declinadas.
  • 23:17:25 Carlos Evandro complementando a resposta do Dilson: há também o fato de o latim ser uma língua declinada, que influi no aprendizado de outras línguas também declinadas.